Experimente frutas exóticas

Frutas exóticas para levantar a saúde

“Explorar novos horizontes” também combina com a alimentação. Existem espécies frutíferas pouco conhecidas espalhadas pelo mundo, que podem trazer inúmeros benefícios a nossa saúde. Ricas em antioxidantes, elas são excelentes para pele, cérebro e sistema imunológico. Conheça algumas:

Pitaia

1

Conhecida como fruta-do-dragão, é nativa da América do Sul. Sua polpa, gelatinosa, protege a mucosa gástrica. Ela também é rica em vitaminas A e C. Mas não deve ser consumida em grande quantidade, pois as sementes, que não são removíveis, tem poder laxativo. Adocicada, vai bem como suco e geleia.

Kino

2

Por fora, tem aspecto espinhoso. Por dentro, textura que lembra o maracujá tradicional. É rico em vitamina C, importante para o sistema imunológico, mas o ponto alto está relacionado à obesidade: por conter muita fibra, há estudos que indicam o uso para redução de apetite. O sabor é agridoce.

Cherimoia

3

Parecida com a fruta-do-conde, tem polpa cremosa e doce e sementes escuras, que não devem ser ingeridas. O sabor lembra uma mistura de banana, abacaxi, mamão, pêssego e morango – o clássico tutti-frutti. Essa fruta encontrada em países sul-americanos fornece vitamina A e muitas fibras.

Granadilho

4

 

Típica da América do Sul, a fruta contém vitamina A; fitoquímicos, que agem na redução do colesterol; e uma quantidade significativa de fibras solúveis, importantes no controle do diabetes. Embora tenha pouca polpa, as sementes são comestíveis.

 

Cambuci

5

Encontrada principalmente no Estado de São Paulo, é pequena, com polpa bem fibrosa e poucas sementes. Como a maioria das frutas ácidas, é rica em vitaminas A e C. Versátil, pode virar sorvete, suco, geleia, doce em calda e também aromatizar bebidas alcoólicas, como licores e cachaças.

Deixe uma resposta