Cuidados

As pessoas com doenças hemorroidárias devem tomar alguns cuidados para aliviar o desconforto e não agravar o problema.

Também existem medidas que ajudam na prevenção das hemorroidas e que podem ser adotadas por qualquer pessoa.

Abaixo, algumas recomendações que vão melhorar a sua qualidade de vida. Mas não esqueça que é fundamental consultar um médico.

  • Não criar o hábito de leitura (revista, jornal, etc) quando estiver no banheiro – permanecer sentado fazendo esforço por muito tempo piora o quadro de quem tem hemorroida ou tendência (história na família) a ter a doença hemorroidária.
  • Evitar o uso de laxantes, exceto aqueles que aumentam o volume fecal (com prescrição e supervisão médica). Outros tipos de laxantes podem provocar diarreia, que faz com que a pessoa vá várias vezes ao banheiro e as fezes fiquem muito ácidas, piorando as hemorroidas.
  • Sempre responder ao desejo de evacuar, ou seja, não ficar prolongando a ida ao banheiro quando sentir vontade.

FOTO 2

woman in bed, alarm clock

  • Manter regular o hábito de ir ao banheiro evacuar, isto é, escolher um horário para isso. O intestino é um órgão que pode ser treinado, se vamos todos os dias ao banheiro no mesmo horário, ele aprende que aquele é o momento dele funcionar, porém, é indicado escolher horários em que ocorram os movimentos intestinais chamados de “movimentos em massa”. Esses movimentos ocorrem alguns minutos após as refeições por causa do reflexo gastro-cólico (quando o alimento chega ao estômago ele avisa o cólon que seu conteúdo deve ser eliminado). O indicado é ficar por, no máximo, 5 minutos no banheiro e sem esforço.
  • Evitar a constipação (intestino preso) com uma alimentação balanceada. Iniciar as refeições com legumes e verduras, que devem ser a maior parte dos alimentos ingeridos.
  • Evitar o uso de bebidas alcoólicas. O álcool é muito nocivo e irrita o reto, ou seja, faz com que aja inflamação do canal anal. Em excesso, a bebida pode, inclusive, provocar sangramentos.

salad woman happy

  • Beber pelo menos 2 litros de água por dia para que as fezes não fiquem duras e machuquem o canal anal. Quando a pessoa fica desidratada, o organismo retira a água de onde não a utilizará mais, isto é, das fezes que estão na porção distal do reto, tornando-as mais duras.
  • Evitar o uso de condimentos – mostarda, pimenta, catchup, temperos prontos, entre outros, porque eles são irritantes à mucosa anal (principalmente se você estiver em uma crise hemorroidária).
  • Diminuir a tensão emocional por meio de caminhadas diárias, de preferência ao ar livre.

Uma pesquisa feita na Itália comprova os benefícios da caminhada em períodos curtos e distâncias pequenas.

No estudo, notou-se que os idosos que mantiveram este hábito quatro vezes por semana reduziram, em cerca de 40%, o risco de morte em relação aos que caminhavam menos.

Leia mais sobre os benefícios do exercício ao ar livre.

Higiene

No caso de pessoas que têm doenças hemorroidárias, cuidar bem da higiene local ajuda a prevenir o aparecimento de infecções. Os cuidados necessários são:

  • Não utilizar papel higiênico, mas sim lavar a área com água e sabonete neutro após cada evacuação;
  • Se a hemorroida estiver exteriorizada, deve-se associar o banho de assento com água morna por pelo menos cinco minutos;
  • Utilizar roupas íntimas de algodão, porque as de tecido sintético prejudicam a respiração da pele e podem causar irritações.

 

Faça o download do manual do intestino saudável

Saiba como manter-se saudável e ter mais qualidade de vida

 

200544855-001

Deixe uma resposta